Voltar
Estudantes levam música para pacientes do HDP
Terça - Feira, 09 de Outubro de 2018
A iniciativa de um setor que será levado a todo o hospital
Na tarde do dia 8 de outubro, voluntários e voluntárias levaram música até o Hospital Divina Providência (HDP) e alegraram os pacientes do setor de hemodiálise, pediatria e psiquiatria.
 
A atividade foi conduzida pela psicóloga do HDP, Paula Fernanda Savaris e organizada pelos estudantes de pedagogia da URI-FW, Guilherme Henrique da Silva e Bruna Carolaine Geraldo, que integram o projeto vinculado a Brinquedoteca do HDP. Além deles se somaram voluntárias de diversas escolas do município, que fazem parte do Programa AABB Comunidade-FW e que se reúnem todos os sábados para os ensaios. 
 
A iniciativa começou no setor da pediatria, mas pretende abranger todos os setores do hospital. “A música cura e mobiliza memórias afetivas, além de auxiliar no tratamento e na qualidade de vida”, afirma à psicóloga.
 
Para Guilherme é uma satisfação realizar este trabalho. “O intuito é tirarmos os pacientes da zona de conforto e utilizar a música no auxílio do tratamento, além de despertar a criança que há em cada um, principalmente nesta semana em comemoração a elas”, afirma o estudante.
 
Com a frase “Quem canta seus males espanta e fica tudo bem”, dita pelo paciente da hemodiálise, Gentil Ferrari Scapin, é como os voluntários se despediram, com um sorriso no rosto e a promessa de voltarem mais vezes.
 
Fonte: Ascom
FOTOS
COMENTÁRIOS